Vender ou NÃO vender Tesouro IPCA? Eis a questão... - Investidor Inglês

Vender ou NÃO vender Tesouro IPCA? Eis a questão...


Depois de ler o post A bizarra proposta do FMI para os Bancos Centrais poderem adotar juros negativos lá no Aposente aos 40, fiquei com vontade de montar um post explicando o que sei sobre o Tesouro IPCA, titulo do Tesouro Direto que paga inflação + taxa.

Hora de vender Tesouro IPCA?

O motivo para o texto é aquele de sempre: Vender ou Não vender meu Tesouro IPCA, eis a questão...

Vender ou NÃO vender Tesouro IPCA?


Eu sou do time que vende o titulo antecipadamente caso boa parte dos juros forem antecipados. E o BPM explicou com muitos detalhes esse ponto em seu texto Como ganhar dinheiro com Tesouro Direto.

Em seu post, ele apresenta uns cálculos que fez para ver se valia a pena a venda do título. Além de apresentar o gráfico abaixo;

Quando é hora de vender Tesouro IPCA?

O gráfico acima mostra bem meu motivo de vender antecipadamente. Segundo os cálculos do BPM, a linha azul, que varia conforme a marcação a mercado, já antecipou 7 anos de juros compostos!

Como as duas linhas no final se encontram, isso quer dizer que a linha azul irá cair e cair até encontrar a linha verde no vencimento.

Para entender essa questão da marcação a mercado, recomendo clicar no link mais acima. Já para entender os cálculos, tipo como funciona o Tesouro IPCA, recomendo este post do Clube dos Poupadores.

Outro texto explicando essa questão de venda antecipada pode ser vista aqui pelo Investidor de Risco.

E quanto ao time dos que não vendem?


Há investidores que não pretendem se desfazer de seus títulos. Principalmente aqueles que garantiram taxas acima de 6% + inflação.

Há algum problema com isso?

NÃO!

Afinal, esses investidores irão receber no vencimento a taxa acordada no momento da compra. Sem contar que ao não vender, deixam de pagar o imposto de renda agora, ficando essa despesa para o vencimento.

Para quem possui o titulo por menos de 2 anos, isso significa economia. Afinal, evitam de pagar um IR maior.

Também ao não vender, deixam de se preocupar em procurar coisa melhor para investir. Que ultimamente não está nada fácil escolher...





Está aberta a temporada de resultados das empresas! Logo neste espaço, publicarei o segundo trimestre das empresas que acompanho. 

Se segue o blog há tempos, viu que foram várias publicações. E legal que começaremos com a Cielo, justamente a ação que acabou de entrar para a carteira fórmula mágica.  

Vamos ver como foi seu segundo trimestre, porquê o primeiro...




See ya!
Vender ou NÃO vender Tesouro IPCA? Eis a questão... Vender ou NÃO vender Tesouro IPCA? Eis a questão... Reviewed by Investidor Inglês on 10:50 Rating: 5

9 comentários:

  1. Deixo minha pergunta para o time dos que vendem... vai vender e colocar o dinheiro onde?

    Sr.IF
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faço minha suas palavras:onde? Acho que tudo está muito estranho, se a reforma da previdência passa o que muda? O governo diminui o déficit primário, e aí? O governo vai diminuir a carga tributária? A população está endividada, o crédito já não é mais farto, o desemprego real (se calculado como a Espanha o faz) deve ser uns 25% da PEA , a China está destruindo muitos setores industriais (plásticos, brinquedos, eletrônicos...). Os únicos que podem ir bem são o agronegócio e o setor extrativista.
      E a bolsa? Vai arriscar comprar no topo histórico? Como vai ficar quando a reforma da previdência passar e continuar tudo na mesma? A reforma trabalhista do Temer não prometeu criar muitas vagas de emprego: Onde elas estão? Sinceramente vou deixando no Tesouro, inclusive uma parte do Tesouro Selic para alocar melhor se pintar coisa melhor.

      Excluir
    2. Boas perguntas!

      Me referindo especificamente aonde colocar o dinheiro da venda do Tesouro IPCA, vejo poucas opções. No meu caso, talvez uma ou outra ação, um ou outro fii e Tesouro Selic (Ou algum CDB 100% com liquidez imediata)

      Mas essas são opções para quem está na busca da IF. Meu caso e talvez do Anon. Para o SrIF365, acredito que não venderia.

      Eu acho.

      Excluir
  2. Fala II,blz?

    Estou na mesma situação, tenho IPCA com 45% de valorização em pouco mais de 1 ano. Sigo acompanhando mensalmente o valor do título, de janeiro até maio pouco mudou porém junho e julho realmente deu um salto. Vou seguir com o papel pois não acredito que a taxa básica de juros vá subir num curto prazo, final desse mês tem possibilidade de baixar a taxa, pelo menos é o que os especialistas dizem, veremos. Enquanto isso, segue o jogo.

    Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Plantando Milhão, tudo certo e você?

      Cara, faz bem em segurar. Há grandes chances da Selic cair e com isso dar uma forçada para que as taxas do Tesouro IPCA caiam.

      Se isso acontecer, conte com mais rentabilidade em seu titulo.

      Abraço!

      Excluir
  3. Otimo post e concordo quanto ao questionamento colocado pelo SrIF. Hoje nao vejo muito para onde correr. Alem do mais ainda existe uma chance dos juros cairem mais ate o final do ano. Claro que conforme o tempo passa essa curva azul passara a cair. Acredito que FII seja a melhor opcao para colocar esse dinheiro.

    www.executivoinvestidor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Executivo!

      É verdade, há grandes chances da Selic cair favorecendo o Tesouro IPCA. Logo isso corrobora na decisão de manter esses títulos.

      E também acho que FII seja o caminho. Ações está difícil escolher uma rs

      Excluir
  4. Por mim é levar até o vencimento. Vender é pagar imposto e perder o trabalho do juros compostos.

    http://investirempatrimonio.com.br/wp-content/uploads/2017/01/giro-do-patrimonio-2.png

    Quando meu IPCA 2019 venceu a única coisa que aconteceu foi que o meu patrimônio diminui mesmo aportando forte naquele mês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anônimo,

      Bom, se conta com o titulo há mais de 2 anos, ai o IR não faz diferença. Afinal, serão os mesmos 15% que pagará no vencimento. Antes eu concordo, pagará mais imposto.

      Sobre os juros compostos, devido as oscilações que o titulo passa, as vezes compensa se desfazer pois você pode pegar os juros de anos a frente conforme mostrei no texto.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.