Mais um capitulo da série: Rumo a Independência Financeira! - Investidor Inglês | Rumo a Independência Financeira

Mais um capitulo da série: Rumo a Independência Financeira!


Hoje volto com a continuidade da série - Rumo a Independência Financeira! Depois de apresentar meus primeiros passos e o primeiro pilar, hoje contarei sobre alguns desvios da rota que podem até acelerar a conclusão do meu objetivo.

Lembra que terminei o post dizendo que comprei um apartamento? Pois então, vamos a ele.

Decisões importantes durante a trajetória rumo a IF!


independência financeira compra casa


Comprar uma casa ou um apartamento, é uma puta decisão a tomar. Afinal, estamos falando de altas quantias e, em muitos casos, financiamentos.

Pois quem tem tantos temer$ assim para pagar à vista?

Logo, não é uma decisão que se deva tomar em instantes, pois há grandes chances de se ter problemas. Mais uma vez o Investidor Inglês é exemplo do que vos fala.

Em 2008 se não estou enganado, comprei um apartamento na planta. E sim, comprei na primeira vez que visitei o lugar. Acabei caindo na conversa do vendedor. Um pouco também devido ao preço, que julguei interessante e alguns empreendimentos que rondavam o condomínio com possibilidade de instalação.

Imagina você comprar um Ap e depois de um tempo um shopping ser construído em frente dele?

Não era o shopping as especulações, lembro que na época era cogitado a chegada de um hipermercado ao local. No fim, veio um shopping.

Assim, preço baixo e possibilidades de valorização me seduziram. O problema é que eu não estava preparado para um investimento desse. Contou também a falta de transparência da construtora em relação aos custos e assim acabei pedindo o distrato.

Perdi um pouco de dinheiro nessa. Mas, vida que segue...

Ai, depois de um ano de casado, a sra Inglês já sondava quando iriamos partir para o Sonho da Casa Própria. Isso há dois anos. Nesse tempo eu já estava envolvido com a questão Independência Financeira. O blog estava começando a caminhar. Com isso, não passava pela minha cabeça tirar dinheiro das aplicações para realizar tal sonho.

E minhas ações? Sem contar a experiência ruim que tive anos atrás...

Porém, como falei no post anterior, a vida não é só dinheiro. Lembro que estava bem fresco em minha mente o post do Viagemlenta - Alugar ou comprar um imóvel. As vantagens em alugar um imóvel ao invés de comprar estavam nítidas em minha mente. Mas, umas desvantagens começaram a nos incomodar.

O proprietário queria subir o aluguel em plena crise imobiliária. Fez isso uma vez e já planejava a segunda. Isso em menos de um ano! A partir disso já começamos a procurar outro lugar para alugar. Em contrapartida, estávamos felizes com o bairro e o apartamento em si.

Com a crise, um apartamento novo e no mesmo bairro onde moramos estava com um belo desconto. Após fazer tudo diferente da primeira compra, estava quase certo que um ap seria nosso. Mas, por ironia do destino, acabamos cancelando essa compra para comprar o ap onde alugávamos!

Depois de algumas conversas com o proprietário, chegamos a um acordo. Eu julgo ter sido um belo negócio. Comprei um ap que ainda saiu como novo, assim tive uma série de descontos com impostos além de pegar juros de 7% ao ano pelo Minha casa minha dívida.

Na época os juros estavam por volta dos 14%. Hoje seria interessante eu começar a retirar parte dos investimentos para ir quitando-o. Mas ainda não fiz isso. Talvez seja um erro optar em não liquidá-lo o quanto antes.

Por ora, sigo investindo mesmo tendo essa dívida. Vamos ver se mantenho isso...

Continua!


P.S: O mini-curso sobre as Vending Machines começa amanhã! Se não se inscreveu, corra!






See ya!

Mais um capitulo da série: Rumo a Independência Financeira! Mais um capitulo da série: Rumo a Independência Financeira! Reviewed by Investidor Inglês on 06:00 Rating: 5

18 comentários:

  1. Imóvel é realmente uma pedra no sapato de quem busca a IF, tem que dar muita sorte de comprar na baixa e conseguir vender na alta para poder dizer que realmente valeu à pena. Sem mencionar a falta de flexibilidade caso vc decida mudar de cidade... eu já me decidi que não só venderei op meu assim que possível como também não comprarei outro, se duvidar no futuro compro um trailer para morar mas um imóvel nunca mais!rs

    Sr. IF365
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A falta de flexibilidade é um problema mesmo. Mas, como é um imóvel barato, menos de 200k, acho que não terei grandes problemas.

      Espero! rs

      Excluir
  2. E quem tem dinheiro para comprar a vista mas conta com este dinheiro para aposentar mais cedo como fica? Paga alugel ou compra um ap de 220 mil a vista?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha é uma pergunta bem pessoal anônimo. Mas te digo, para a IF, zerar seu patrimônio líquido não é nada bom. Afinal, os juros compostos deixarão de fazer sua parte.

      Também pode se fazer contas do tipo; Em quanto tempo recupero o valor empreendido no imóvel? O Aluguel que deixei de pagar me fará recuperar o valor em x tempo...

      Enfim, são contas ai a se fazer. As vezes, comprar o ap pode valer a pena. Só não faça como eu, comprar sem refletir.

      E isso vale em rejeitar também.

      Excluir
    2. Eu ia de financiamento,pega uma parcela decrescente ,mesmo que precise parar de aportar por causa da parcela esse dinheiro que vc tem é pra crescer 1100 por mês sem vc fazer mais nada.
      E outro daqui a pouco começa outra crise o Brasil joga a selic pra 2 dígitos de novo,a é boa oportunidade pra sacar também o FGTS

      Excluir
  3. Legal, Inglês!

    Apesar de as condições para compra estarem hoje melhores do que foram na última década, ainda prefiro o aluguel. Não só pelas vantagens financeiras, mas também pela liberdade, como escrevi no post que vc citou (obrigado!).

    Agora não entendi bem o proprietário querer aumentar o aluguel assim... o contrato básico é de 30 meses. Ou vcs não tinham contrato? De qq forma, parece que vc pegou uma boa oportunidade. Agora é se livrar dessa dívida o quanto antes, principalmente se vier um aumento de Selic aí para a frente rsrs (se bem que tá ficando cada vez mais difícil rsrs).

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu André!

      Eu também pendo para o aluguel, mas, acabei comprando rs.

      Acertou, não tínhamos contrato. Eu insisti para ser feito, mas o proprietário foi adiando, adiando...

      Percebi que é um picareta. Dai subiu o aluguel uma vez. Torci o nariz mas ainda compensava ficar por ali. Porém veio a segunda. Ai fiquei bravo! rs

      Com isso comecei a ver outros aps para alugar e vi preços de uns também para comprar. E nas simulações, vi que pagaria parcelas do financiamento iguais a dos alugueis que cobravam. E isso no sistema SAC, onde as parcelas caem conforme o tempo. Isso além do preço me fizeram fechar.

      Então, se vier um aumento da Selic não compensa eu continuar com o financiamento?

      Tenho dúvidas quanto a isso.

      Abraço!

      Excluir
    2. Aluguel sem contrato? Não sei se o cara era picareta ou ingênuo, deu sorte de ter uma pessoa honesta como vc de inquilino, se com contrato já ouço histórias cabeludas de inquilinos inadimplentes e que continuam a ocupar o imóvel imagina sem?
      Sr. IF365
      www.srif365.com

      Excluir
  4. Boa Inglês!
    Foi uma bela tacada tomar financiamento de 7% com a taxa de juros a 14%.
    Se a Selic voltar a subir, compensa você manter por mais tempo esse financiamento.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu KB!

      Penso exatamente assim.

      Abraço!

      Excluir
    2. Essa taxa de 7% deve ser nominal, certo? A taxa de juros efetiva deve ser uns 9-10% a.a.

      Excluir
    3. https://www.youtube.com/watch?v=eZ51YQyMfQQ interessante esse ponto de vista ...

      Excluir
    4. Olá Unknown,

      A taxa efetiva está em 7,8 a.a.

      Valeu a indicação soldado! Vou ver!

      Excluir
  5. Preciso pensar na decisão da casa, pois das maiores quantias de dinheiro na vida!

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  6. O interessante seria amortizar as prestações desse apartamento. não seria melhor que investir rm outros ativos ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com a Selic atual creio que sim Beto!

      Acredito que começarei a fazer isso ano que vem.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.