sexta-feira, 20 de abril de 2018


tots3 - análise fundamentalista
Voltando com os estudos sobre as ações da carteira fórmula mágica, chegou a vez da TOTS3!

Este post faz parte de uma série de analises sobre a carteira mencionada acima, cujo resultados você pode ir conferindo neste link.

Caso tenha perdido os outros estudos, veja abaixo o que já publiquei;


Sem delongas, vamos conhecer a TOTS3.

Quem é TOTS3?


TOTVS, pronunciado como Tótus, é o nome da empresa por trás do código visto acima.

Fundada em 1983, a empresa se chamava Microsiga e tinha como objetivo fornecer soluções de gestão empresarial integrada e acessíveis a pequenas e médias empresas.

O nome da empresa só foi ser alterado em 2005, como você pode ver neste link.

Situada no setor de Tecnologia da Informação (TI), a TOTVS hoje provê soluções de negócios para empresas de todos os portes, atuando com softwares de gestão, plataformas de produtividade e colaboração, hardware e consultoria, com liderança absoluta no mercado SMB na América Latina.

Números da empresa


Quem acompanha meus singelos estudos sabe que passo conferir as conversas lá no mural do Bastter.

Olhando com pressa, vejo que;

  • A empresa no período de 2010 a 2017 apresentou lucros constantes. Check!
  • Porém Lucros e ROE caindo de 2015 a 2017. 
  • Divida aparentemente equilibradas. Check! 

Agora, com não tanta pressa, vamos ver alguns números do seu balanço de 2017.

  • Aumento de caixa frente a 2016 - De 214 para 387 milhões.
  • Aumento da subscrição. Em 2015 faturou 140 e em 2017 307 milhões. 

Ainda com o balanço, veja o mural formado com seus dados;

tots3 - bastter



O que vejo por ai como explicação sobre a queda dos lucros é a forma como a empresa comercializa seus produtos, hoje a Totvs adotou o modelo de subscrição, ou seja, passou a alugar seus produtos.

E mais acima, vemos que está aumentando a receita oriunda desse modelo.

Tem um dado que não aparece na tela, o FCL Capex. Ele também está aumentando.

Bom, esta empresa não apresenta dados ruins. Porém a queda nos lucros e consequentemente dividendos anda preocupando quem já é sócio.




E você, já analisou essa empresa?  Aguardo seus comentários!




Não custa lembrar que isso é apenas um estudo inicial, passando longe de ser recomendação de compra/venda!






See ya!